20 Maneiras rápidas de aliviar dores de estômago e cólicas

20 Maneiras rápidas de aliviar dores de estômago e cólicas

Você sentiu borboletas no seu estômago, aquele friozinho na barriga, no primeiro encontro com a pessoa que ama? Ou talvez o tenha sentido pesado depois de jantar? Esses sintomas podem ser sinais de ansiedade ou mesmo Síndrome do Intestino Irritável.

Nós do Incrível.club, decidimos pesquisar profundamente o assunto e escolher as melhores maneiras de ajudá-lo a superar a dor com rapidez e facilidade. O que você tem de fazer é encontrar o tipo de dor que o está afetando, para poder identificar as possíveis soluções. Mas não esqueça, as dicas são apenas paliativas; se você tem dores frequentes, procure um médico de sua confiança para uma consulta. As dicas não substituem as consultas e tratamentos prescritos pelo médico.

Dores de estômago causadas por ansiedade

O stress é uma das principais causas de quase todas as doenças ou fraquezas físicas. Ele age como um fator de pressão psicológica, atacando nosso sistema imunológico e causando outras doenças. Também pode levar a ataques de pânico, que frequentemente repercutem em diferentes tipos de dores de estômago.

Se por algum motivo você apresentar ansiedade ou sentir dores de estômago, tente seguir estes passos para aliviar o stress:

1. Respire profundamente e tente se concentrar completamente em sua respiração. Preste atenção em como inspira e expira; não pense em mais nada, apenas imagine o processo de respirar em seu corpo. Isso ajudará você a dispersar sua mente de seus problemas por um tempo. Melhor ainda se puder sair, respirar um pouco de ar fresco, fechar os olhos e relaxar em um lugar calmo.

2. Prepare um chá de ervas, desfrute do seu aroma e do seu sabor agradável. Camomila, gengibre ou hortelã são alguns dos melhores relaxantes e que também combatem bactérias. Combine-os com técnicas de respiração para tirar o máximo proveito deles.

3. Medite, mesmo que nunca tenha feito isso antes. A meditação pode parecer algo muito complexo ou até estranho, mas, na realidade, ao concentrar toda a sua energia e pensamentos em um único ponto, você reduzirá notavelmente os níveis de stress.

4. Exercite-se. Alongar e tensionar os músculos ajuda a dispersar qualquer acúmulo de energia, o que não deixará espaço para ansiedade ou ataques de pânico.

5. Converse com um amigo. Quando você compartilha seus problemas e preocupações e os analisa com aqueles em quem confia, pode descobrir muitas soluções que talvez não veja por si mesmo. Dessa forma, você pode se livrar do problema para sempre. Apenas tente não sobrecarregar seu amigo com negatividade. A melhor ideia é discutir como superar esses problemas e, em seguida, compartilhar tempo de qualidade com seu amigo, fazendo algo divertido para ambos. Caso contrário, ele se sentirá usado.

Acúmulo de gases ou cólicas causadas pela síndrome

As cólicas decorrentes do acúmulo de gases ou Síndrome do Intestino Irritável podem aparecer de repente e se tornar bastante fortes. Muitas vezes, são o resultado de hábitos alimentares pouco saudáveis, como consumir alimentos gordurosos ou misturar coisas que não devem ser consumidas juntas. Felizmente, existem maneiras de aliviar essa dor.

A primeira coisa que você deve fazer é ir ao banheiro. É simples e vai fazer você se sentir melhor e liberar o acúmulo de gases no sistema digestivo.
Depois de tentar este primeiro passo, pode-se tentar alguns remédios caseiros, como infusões de ervas. Um chá de hortelã e gengibre é uma excelente opção nesses casos. Tome uma xícara de chá fresco para eliminar o excesso de gases e sentirá um pouco de alívio. Isso também deve relaxar todo o seu sistema digestivo.
A erva-doce é muito eficaz quando se trata de dores causadas pela síndrome ou gases incontroláveis. Pegue uma colher de chá de sementes de funcho, lave-as com água fria e mastigue-as. Não é necessário engolir as sementes, apenas provar o sabor do seu suco. Após 5 ou 10 minutos, lave a boca e beba água para passar o sabor.

Leia também: Atroveran funciona

4. Tente um pouco de calor, apenas tome cuidado para não se queimar! É uma boa ideia colocar panos com uma bolsa térmica sobre o estômago, assim você relaxará completamente os músculos. Se sentir que pode liberar gás, não o evite. Mas, claro, não o faça na frente de outras pessoas…

5. Se nada disso ajudar e você tem sofrido esse tipo de desconforto por algum tempo, consulte o seu médico. Como mencionado anteriormente, essas dores podem ser causadas por uma nutrição inadequada, mas também há algumas doenças e distúrbios abdominais que podem ser a razão para tais problemas.

Dores menstruais

Muitas mulheres experimentam dores severas durante o período menstrual. Não se preocupe, é normal ter esse tipo de desconforto, principalmente nos 2 primeiros dias. Aqui vamos mostrar 5 dicas caseiras para aliviar essa dor. Mas se as cólicas durarem muito tempo ou forem insuportavelmente fortes, é melhor consultar um especialista.

Praticar ioga. Existem três asanas (posturas corporais) eficazes que são recomendadas para cólicas menstruais: cobra, gato e peixe. Experimente-as e não esqueça de ser gentil consigo mesma. Além disso, você pode procurar tutoriais na internet para ajudá-la a se orientar, ou até mesmo fazer algumas aulas de ioga para se familiarizar com o assunto.
Massageie-se suavemente. Existem alguns pontos de acupressão para esse tipo de dor. Há 2 pontos abaixo do seu umbigo: um deles localizado exatamente 2 dedos abaixo do umbigo e outros 4 dedos abaixo do umbigo. Há também um ponto localizado 4 dedos acima do osso do tornozelo em ambas as pernas.

3. Coloque uma bolsa térmica em seu abdômen, encolha-se e, se possível, tire uma soneca. A revista Evidence-Based Nursing (Enfermagem Baseada em Evidências) publicou um estudo que mostra que o calor pode ser tão eficaz quanto o ibuprofeno para cólicas.

4. Álcool, tabaco e cafeína não são bons aliados durante o seu período. Tente reduzir sua ingestão para evitar que a dor piore.

5. Tome alguns anti-inflamatórios não esteroides (AINEs), se nenhum dos itens acima ajudar. Existem medicamentos criados especialmente para cólicas menstruais que podem ser comprados sem receita médica.

Dor causada por acidez estomacal

Essa dor é muito incômoda e desagradável, mas tem solução. Se você comeu demais ou consumiu muitos alimentos condimentados e gordurosos, essa pode ser a principal causa da dor produzida pela acidez estomacal.

Existem alguns medicamentos sem receita médica que podem ajudar nesse tipo de caso. Os antiácidos regulam os ácidos no seu estômago, enquanto os medicamentos IBP (inibidores da bomba de prótons — como o omeprazol, lanzoprazol, pantoprazol e outros) e os anti-histamínicos H2 (como a ranitidina) reduzem a quantidade de ácido produzido no estômago.
Se você não tem nenhum desses medicamentos à mão e precisa de alguns remédios naturais, experimente o vinagre de maçã. Ele reduz o pH e diminui a dor. Misture 2 colheres de chá de vinagre com ¼ xícara de água filtrada e beba essa mistura. Se necessário, tome a mistura novamente em 5 minutos.
Em uma situação extrema de azia, você também pode usar bicarbonato de sódio. Misture meia colher de chá do produto com ¼ xícara de água à temperatura ambiente. Isso deve proporcionar alívio em cerca de 10 minutos. Se não acontecer, repita a mistura até se sentir um pouco melhor.
Mude seus hábitos alimentares para evitar futuras dores causadas pela acidez estomacal. Na medida do possível, tente evitar alimentos picantes e gordurosos, alho, álcool e refrigerantes. Também procure identificar quais alimentos lhe causam acidez.
Como mostra uma pesquisa da Clínica Mayo (um dos maiores grupos clínicos dos EUA), a camomila também pode ser bastante efetiva no tratamento contra a acidez estomacal. Prepare um pouco de chá e tome-o em pequenas porções. É muito melhor que você beba chá em vez de outros tipos de bebidas quentes.
Cuide bem do seu corpo e nunca ignore os sinais que ele dá. Se está sentindo dores intensas, que perduram por horas, o ideal é procurar um médico ou o serviço de emergência mais próximo.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *